Novidades

PURGATÓRIO | Lisboa

14 a 17 e 20 a 24 de novembro

PURGATÓRIO | Lisboa
Teatro Nacional D. Maria II
criação: TEATRO O BANDO :: CORO SETÚBAL VOZ
texto dante alighieri
tradução sophia de mello breyner andresen
dramaturgia e dramatogenia miguel jesus
encenação joão brites
dramatofonia, música e direção musical jorge salgueiro
corporalidade juliana pinho
cenografia rui francisco
figurinos e adereços clara bento

com coro setúbal voz, fernando luís, nélson monforte, rita brito e sara belo.

desenho de luz nicolas manfredini
desenho de som miguel lima
produção filipa ribeiro
conceção vídeo miguel jesus edição e montagem miguel mares recolha de imagens dora sales, nuna livhader
consultoria de latim josé luís brandão, ana maría tarrío, andré simões, ana paula rosa
desenho de olhos para figurinos clara almada
apoio coro cátia rodrigues, dora sales, nuna livhader, matilde santos, isabel santos
apoio a figurinos sara rodrigues
apoio montagem: jvc; vitor santos, joão macedo, carlos ribeiro

A BONECA ELETRÓNICA | Lisboa

24 de novembro

A BONECA ELETRÓNICA no Lisboa Incomum, 19h30, integrado na estreia de ELECTRONIX, um espetáculo performativo de Manuel Teles com repertório dedicado à música escrita para saxofone e eletrónica.

Ainda obras de Jean-Denis Michat, Andy Scott, Lino Guerreiro, Steve Reich e Philippe Geiss.

Entrada livre.

FILHO? | Coimbra

28 de novembro a 28 de dezembro
FILHO? | Oficina Municipal do Teatro em Coimbra

criação Teatro O Bando e Teatrão
texto AFONSO CRUZ
dramaturgia e encenação JOÃO NECA
com JOÃO SANTOS, MARGARIDA SOUSA e RAUL ATALAIA
participação especial MIGUEL ROSADO
cenografia FILIPA MALVA E RUI FRANCISCO
música JORGE SALGUEIRO
figurinos e adereços FILIPA MALVA
ilustração ANA BISCAIA
oralidade RITA BRITO
desenho de luz JONATHAN DE AZEVEDO
grafismo PAUL HARDMAN
fotografia CARLOS GOMES
produção RITA BRITO E CÁTIA OLIVEIRA

português | maiores de 6 | 60”

O HI-PO-PÓ-TA-MO | lisboa

22 de janeiro

VER E LER, LER E VER: O HI-PO-PÓ-TA-MO

auditório do centro de congressos de lisboa
informações e inscrições: info@focomusical.pt

O HI-PO-PÓ-TA-MO | Europarque

30 de janeiro

VER E LER, LER E VER: O HI-PO-PÓ-TA-MO

ópera com música de jorge salgueiro e libreto Gonçalo M. Tavares

grande auditório europarque | sta maria da feira

informações e inscrições: info@focomusical.pt

2 obras | Barcelona

24 de maio 2020

L’Auditori de Barcelona (Sala 1 Pau Casals)

PRIMAVERA op. 136
cONCERTO fOR tUBA, op. 139

Banda Municipal de Barcelona
maestro José R. Pascual-Vilaplana
tuba solo Sérgio Carolino

16€ ou 12€

cd | inferno

CD INFERNO

o CD duplo “A Divina Comédia – INFERNO” reúne as composições de Jorge Salgueiro para o espectáculo INFERNO, criação do Bando estreada em 2017.

música Jorge Salgueiro
texto Dante Alighieri
ator João Grosso
obra composta para a encenação de João Brites com tradução de Susana Mateus

vozes: soprano 1 Sara Belo; soprano 2 Lara Matos; mezzo-soprano: Ana Brandão.

Coro Teatro O Bando (direcção Jorge Salgueiro) e Coral Infantil de Setúbal (direcção Nuno Batalha).

violinos: Cristina Dimitrova (solos), Jorge Vinhas, António Barbosa, Ângela Pereira, Ana Elisa, Raquel Cravino, Francisco Moser, Eurico Cardoso e Francisco Ramos
violetas: Bruno Castro (solos), João Paulo Gaspar e Nuno Soares
violoncelos: Nelson Ferreira (solos), Sérgio Pliz, Genoveva Dimitrova

contrabaixos: Miguel Menezes, Samuel Pedro, Diogo Dias

piano: Cândido Fernandes

captação de som José Fortes

direção de orquestra Jorge Salgueiro

à venda na bilheteira do Teatro O Bando, na loja Paleta dos sons ou através de mensagem para maestrosalgueiro@gmail.com

HOTEL IMPÉRIO | estreia nacional

a partir de 9 de maio

HOTEL IMPÉRIO, estreia nacional

filme de Ivo Ferreira com música de Jorge Salgueiro
estreia mundial em outubro 2018 no Festival Internacional de Cinema de Pingyao (China)

uma produção de O Som e a Fúria com Margarida Vila-Nova e Rhydian Vaughan

orquestra:

violinos: Anne Victorino d’Almeida, Cristian Álvarez Sieiro, David Lopes Ascensão, Fernando Sá, Francisco Ramos, Jorge Vinhas, Lígia Vareiro, Marcos Lázaro, Victoria Valdes, Zofia Pajak.

violetas: André Araújo, António Barbosa, Bárbara Pires, Kátia Santandreu.

violoncelos: César Gonçalves, Joana Almeida, Nelson Ferreira.

contrabaixos: João Panta Nunes, Romeu Santos.

trompete: Carolina Alves
trompa: Sebastião Reis
trombone: Hugo Assunção
tuba: Adélio Carneiro

percussão: Tiago Loureiro
piano: Eduardo Jordão
teclado: José Ricardo
baixo elétrico: Pedro Teixeira

direção do compositor
gravado por José Fortes